Publicado por: Dirceu Rabelo | 16/01/2012

SUICÍDIO? JOGUE FORA ESSA IDEIA!

SUICÍDIO? JOGUE FORA ESSA IDEIA!

A morte não existe! O espírito é eterno e sobrevive…

” O suicídio é o começo do maior tormento que a criatura humana pode sofrer, porque descobre que depois de matar seu corpo físico ela continua viva… porém sozinha, e sem socorro algum, descobre que seus males só se agravaram e que infelizmente cometeu um dos maiores crimes que a criatura pode cometer, tirar um empréstimo de Deus que serviria para a evolução de seu Espírito…. seu corpo”

“O suicídio é um crime aos olhos de Deus…

O suicida é um Espírito criminoso, falido nos compromissos que tinha para com as leis sábias, justas e imutáveis estabelecidas pelo criador, e que se vê obrigado a repetir a experiência na terra, tomando um novo corpo, uma vez que destruiu aquele que a lei lhe confiara para instrumento de auxilio na conquista do próprio aperfeiçoamento.

O Espírito de um suicida voltará a novo corpo terreno em condições muito penosas de sofrimento, agravadas pelas resultantes do grande desequilíbrio que o desesperado gesto provocou no seu corpo astral, isto é, no perispírito.

Na fantasia do suicida, ele pensa que morrer seria uma maneira de livrar-se do medo de ficar louco, no estado de desestruturação e aniquilamento em que se encontra. É morrer para livrar-se de uma situação insustentável.Pensa que irá par um mundo paradisíaco onde não há mais necessidades, e que nesse mundo encontrará pessoas queridas, ou então, que depois de destruir o seu corpo físico irá dormir em sono eterno, é possível também encontrarmos o suicídio inconsciente que advém do desregramento com o qual se abrevia a vida, esses são: E excesso de comida, bebida, fumo, vícios em geral, sexo etc…

Normalmente aquele que busca o suicídio necessita muito livrar-se de algo que lhe atormenta, difícil de julgar o grau de sofrimento que leva uma pessoa a cometer suicídio. Algumas das prováveis causas são:Razões econômica, culpa, remorso, doenças incuráveis, doenças mentais, depressão, ansiedade, etc.

Pode haver suicídio por obsessão? Todas as religiões cristãs ensinam que os maus espíritos podem exercer influência maléfica sobre os homens. Com base nessa questão , pode um espírito perseguidor induzir sua vítima à prática do suicídio? Claro que sim! O fato tem ocorrido com freqüência.Todavia a vítima obsidiada, no uso e gozo do seu livre -arbítrio, pode querendo com o império de sua força de vontade, resistir a tentação e tornar-se vitoriosa. Porém, caso venha o obsidiado a ceder as sugestões do inimigo invisível, e se suicidar,ele certamente consentiu. Com certeza ele responderá pela sua fraqueza perante as leis divinas , porém como fator atenuante se levará o aspecto obsessivo.

É bom que se saiba, que o espírito obsessor não é o demônio como ensinam as religiões dogmáticas. Ele é uma criatura humana invisível, é um homem ou mulher que viveu aqui na terra e que foi injustiçado, desencarnou com ódio e desejo de vingança. Depois da morte os espíritos livres perseguem no além aqueles que lhe fizeram mal, isso seria a obsessão, sua vítima poderá ser levada não só ao suicídio, mas também, a crimes , a vícios etc, há vários tipos de obsessão, caso o leitor desta página deseje saber mais sobre o assunto entre em contato pelo e-mail do site que enviarei nomes de vários livros que abordam o assunto, dentro da codificação de Allan Kardec posso citar “O céu e o inferno” .

Abaixo, algumas perguntas a respeito do suicídio:

1 – O suicida permanece muito tempo em regiões de sofrimento, no plano espiritual, ou logo reencarna?

Depende de suas necessidades e de como reage à situação que criou. Há os que retornam de imediato à carne. Há os que fazem estágios em regiões de sofrimento. Depois são acolhidos em instituições hospitalares que funcionam nas proximidades dos chamados vales dos suicidas, como descreve Camilo Castelo Branco (1825-1890), no livro Memórias de um Suicida, psicografado por Yvonne Pereira.

2 – Considerando o estado de desequilíbrio de quem comete o gesto tresloucado, não será contra-producente reconduzi-lo à reencarnação?

Em alguns casos é uma necessidade, oferecendo-lhe a bênção do esquecimento e ajudando-o a superar as fixações que precipitaram sua fuga no pretérito.

3 – Haverá alguma conseqüência no novo corpo?

O corpo espiritual ou perispírito é um molde da forma física. Se tem desajustes, estes tenderão a refletir-se nela. Acontece freqüentemente com o suicida.

4 – Poderia dar alguns exemplos?

Quem se mata por afogamento terá problemas respiratórios. Quem ingeriu um corrosivo terá desajustes no aparelho digestivo. Quem atirou na cabeça poderá reencarnar com retardo mental, paralisia cerebral e males semelhantes. Quem põe fogo no corpo terá graves problemas dermatológicos.

5 – Seria uma espécie de castigo?

Mais exatamente uma conseqüência. Se uso uma faca imprudentemente, acabo me cortando. Deus não estará me castigando. Apenas estarei colhendo o resultado de minha imprudência.

6 – Uma encarnação é suficiente para o suicida livrar-se dos desajustes gerados por seu ato?

Isso depende de vários fatores, envolvendo o grau de comprometimento com o gesto tresloucado. Como regra diríamos que, quanto mais esclarecido for, quanto mais ampla sua noção a respeito das responsabilidades da vida, maior o estrago perispiritual, mais demorada a recuperação.

7 – Pode prolongar-se por mais de uma existência?

É possível, dependendo de como reage. Podem ocorrer complicações, envolvendo, sobretudo, a reincidência. Em existência futura o indivíduo sentir-se-á tentado a cometê-lo novamente, quando enfrentar situações que motivaram sua fuga no passado.

8 – Há um aumento preocupante de suicídios em todos os países. O que pode ser feito a respeito?

A Doutrina Espírita é uma vacina contra o suicídio, mostrando-nos que se trata de uma porta falsa, que nos precipita em sofrimentos mil vezes acentuados. Por isso, um dos grandes recursos para combater o suicídio é a sua divulgação. Trata-se de um trabalho abençoado que todos podemos desenvolver, particularmente usando livros espíritas, distribuindo-os a mão cheia, como ensina Castro Alves (1847-1871).

Richard Simonetti   (Forum Espírita)

NR) Com as bençãos do Mestre Jesus e sob a tutela de nossos Mentores Espirituais, Bezerra de Menezes e Eurípedes Barsanulfo continuamos confiantes com as atividades da “FRATERNIDADE ESPÍRITA CASA DO CAMINHO” no Bairro Bela Vista, em nossa Dom Joaquim. Reuniões: todos os sábados às 16h30min. Local: Travessa Cristo Redentor s/n.

Anúncios

Responses

  1. Para reflexão, amigo.
    http://www.suaescolha.com/prforum/cienciasemilagres/reencarnacao2/

    (2. Não existe reencarnaÇÃo – Para alguns é reconfortante acreditar que o espírito de alguém muito querido irá voltar a esta terra num outro corpo ou forma. No entanto, tal teoria está totalmente em desacordo com aquilo que a Bíblia ensina. Vivemos e morremos neste mundo uma só vez. Observe o texto sagrado: “Da mesma forma, como o homem está destinado a morrer uma só vez, e depois disso enfrentar o juízo, assim também Cristo foi oferecido em sacrifício uma única vez, para tirar os pecados de muitos” (Hebreus 9:27 e 28). Não há margem para dúvida ou outras interpretações: após a morte, ninguém receberá uma segunda chance, mas apenas juízo. Se uma pessoa precisasse morrer muitas vezes, qual seria o valor do sacrifício de Jesus? Teria ele também que morrer muitas vezes? Além disso, a idéia de que nossas almas são aperfeiçoadas através da reencarnação é absolutamente oposta à doutrina Bíblica de que somos salvos pela graça de Deus, mediante a fé em Cristo Jesus (Efésios 2:8-9)Leia o texto completo http://www.sermao.com.br/sermoes/o_que_a_biblia_diz_sobre_a_morte/.)

  2. Manuela, querida irmã em Cristo!
    Este assunto já foi debatido tantas e tantas vezes aqui, que acho desnecessário tentar lhe convencer do contrário. Você, sendo evangélica (É O QUE ME PARECE) não vai se convencer nunca disso, só mesmo quando desencarnar e tiver que retornar muitas e muitas vezes, para a necessária depuração de seu esforçado espírito.
    Abraço fraternal!

  3. vou me matar, ainda hoje comerei da carne podre de cristo em seu templo, satan me guiará ao paraiso, cristo cairá perante, ao Deus negro e eu me livrarei da carne nojenta que me cobre. lol.

  4. Rafael,
    Pode falar o que você quiser… Não posso falar muito com você e nem mesmo sei de suas intenções, mas posso lhe afirmar que você, SE COMETER O SUICÍDIO, NÃO FICARÁ LIVRE NEM DA PRÓPRIA CARNE QUE VERÁ APODRECER, POUCO A POUCO, NUM QUADRO DE HORROR QUE LHE DEIXARÁ ARREPENDIDO POR MUITAS E MUITAS REENCARNAÇÕES. SEU POBRE ESPÍRITO VAGARÁ COMO UM LOUCO POR SÉCULOS ATÉ SER RECOLHIDO EM FRANGALHOS PELOS OBREIROS DO SENHOR DEUS, PARA ENFIM VOLTAR A NOVA E PENOSA REENCARNAÇÃO.
    PORTANTO, DEIXE DE LADO A ASNEIRA DO SUICÍDIO E LOUVE A DEUS POR SUA VIDA E ORE BAIXINHO, QUE JESUS LHE DARÁ FORÇAS PARA RESISTIR A QUALQUER PROBLEMA PELO QUAL ESTEJA PASSANDO.
    Que Jesus o abençoe, agora e sempre!

  5. Acredito que muitas pessoas chegam aqui com a intenção de cometer suicídio, e saem diferentes. Achei muito informativo o seu artigo. Parabéns.

  6. Querida Amanda!
    Esta é apenas uma das três matérias sobre o suicídio que mantemos aqui no blog, para que aqueles que tiverem esta péssima ideia, possam se convencer de que farão a pior escolha possível.
    Graças a Deus, parece-me que está surtindo algum efeito. Sabemos que é um trabalho “formiguinha”, mas estamos fazendo a nossa parte. Não é mesmo?
    Grande abraço fraternal e que Jesus a proteja e à sua família, agora e sempre.

  7. Boa tarde! tenho 28 anos, e há 11 anos tive meu filho Erik com problemas renais devido a uma substância que ingeri, pois não aceitava a gravidez no início…. mas aos poucos fui me apegando aquele pequeno ser e me desesperando pois o médico havia dito que ele não sobreviveria mais que 20 minutos fora do meu ventre… chorei de arrependimento, cada dia passava a galope e meu desespero aumentava pois queria meu bb comigo! ele nasceu de parto normal em 2 de maio de 2002 e logo foi pra uti, ele sobreviveu 4 dias para os médicos isso era milagre pois pela gravidade era pra ter morrido na mesa de parto. No dia do falecimento dele, eu tive um sonho diferente, eu via meu corpo deitado mas a sensação era de que eu tava acordada, eu via tudo ao meu redor, eu ouvi dois homens falando comigo assim: filha, levanta, vai ver seu filho que ele não está bem… na mesma hora eu senti meu corpo sendo puxado de volta, acordei no susto e a sensação era de que os dois homens ainda estavam ali, como eu só tinha 17 anos e não tinha conhecimento espírita achei que era apenas um sonho e dormi… nunca mais me esquecerei desse dia….. duas horas depois de adormecer novamente, a enfermeira me acordou e me disse chorando que meu pequeno guerreiro havia morrido… me culpei pela morte dele, eu nunca deveria ter tentado tirar meu bb, passei 4 anos em depressão, eu que pesava mais de 100 kg fui pra 49kg em 4 anos, meu casamento acabou, meu prazer de viver acabou… somente no dia de finados desse ano de 2013 é que eu consegui ir visitar o túmulo dele e levar uma rosa branca, tentar pedir perdão, sei que ele não estava mais la, que outros passaram por ali mais até hoje a dor me consome….é uma dor que vou carregar por toda a vida e apesar de saber da doutrina espírita confesso que meu maior pensamento ainda é o suicidio.

  8. Mariana, querida irmã e amiga!
    Acalme seu triste coração e anime-se porque seu espírito é bom!
    Veja bem que você era apenas uma adolescente que tomou um medicamento num momento de fraqueza. O seu arrependimento e o amor que você nutriu por seu filho em seu ventre, com certeza foi visto por Deus, foi notado por Jesus como um crédito a ser abatido deste débito.
    Ore, faça uma linda oração, converse com o Pai Celestial e peça a ele nova chance de receber seu filhinho ainda nesta encarnação e é provável que o terá de volta para cuidar dele como sempre quis.
    A única coisa que você não deve fazer é exatamente o suicídio. Leia o texto acima, mais uma vez e veja a seriedade da “besteira” que o suicida comete e que só dá a ele problemas gravíssimos para as futuras reencarnações.
    Hoje mesmo, na Fraternidade Espírita Casa do Caminho, que dirijo aqui em minha cidade, falei sobre o mal do suicídio e a perda de tempo e principalmente do arrependimento dos suicidas que mal cometem o atentado contra si próprios e já querem voltar aos segundos que antecederam tamanha asneira.
    Quer um conselho de um amigo que te ama sem te conhecer?
    Pois bem! Faça caridade e procure ajudar a uma creche carente pelo menos uma vez por semana. Dedique pelo menos duas horas às crianças, dando-lhes carinho e amor. Faça isso, como se estivesse fazendo com seu filhinho que continua vivo no Plano Espiritual e – quem sabe? – aguardando o momento de renascer de sua barriga, e desta vez com toda a segurança e amor maternal. Você vai recebê-lo como um príncipe e ele já terá toda a segurança que necessita para ter um lar seguro e feliz.
    Peça a Deus e Ele, o Pai vai atendê-la. Mostre-lhe seu arrependimento com palavras e suas palavras serão ouvidas e seu baby retornará para seu peito e sugará seu leite que ele não teve chance de fazê-lo da vez anterior.
    Digamos que o que houve no passado tenha sigo um “acidente de percurso” e que não acontecerá mais.
    Que o Mestre Amado a abençoe com muita paz e LUZ!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: